sexta-feira, 24 de março de 2017

Resenha: Simplesmente o Paraíso - Julia Quinn

Sinopse:

Honoria Smythe-Smith é parte do famoso quarteto musical Smythe-Smith, embora não se engane e saiba que o dito quarteto carece sequer do menor sentido musical e tem esperanças postas que esta seja a última vez que se submeta a semelhante humilhação. Esta será sua temporada e com um pouco de sorte conseguirá um marido.

Durante um jantar, põe seus olhos em Gregory Bridgerton, um dos mais jovens da família Bridgerton. Sabe que não está apaixonada, mas ele parece uma opção mais que válida.
Marcus Holroyd é o melhor amigo do irmão de Honoria, Daniel, que vive exilado na Italia. Ele prometeu olhar por ela e leva suas responsabilidades muito seriamente. Odeia Londres e durante toda a temporada, permaneceu vigilante e intermediou quando acreditava que o pretendente não era o adequado.

Honoria e Marcus compartilham uma amizade, pouco atípica, fruto dos anos que se conhecem e que o torna parte da família.
Entretanto, um desafortunado acidente faz que ambos repensem sua relação e encontrem a maneira de confrontar o que surge entre eles, se tiverem coragem suficiente

Resenha:

É sempre maravilhoso ter em mãos um livro da Editora Arqueiro, e torna-se ainda melhor quando se trata de um romance de época. As histórias da Julia Quinn geralmente são garantias de bons momentos de leitura, e Simplesmente o Paraíso não foi diferente.

                Nesse primeiro livro do quarteto somos apresentados mais uma vez ao mundo da alta sociedade britânica e conhecemos as tradições da família Smythe-Smith . Uma delas é a de reunir anualmente quatro jovens da prole em uma apresentação musical. O problema? Todas são um completo desastre com os instrumentos! É importante aclarar que conforme estas jovens vão se casando, elas também vão sendo liberadas das apresentações e podem respirar aliviadas.

                O romance entre Honoria e Marcus, os protagonistas deste primeiro romance, me encantou de diversas formas e níveis pelo simples fato de que antes do que qualquer coisa, os dois sempre foram amigos. Esse tipo de livro onde os personagens são melhores amigos e acabam descobrindo que sentem algo a mais um pelo outro é um dos meus temas favoritos e vez ou outra eu me pegava com um grande sorriso no rosto enquanto devorava página por página.

Honoria é doce, corajosa e imparável. Uma mocinha muito decidida, amiga e ama a família. Inclusive, mesmo com toda a vergonha de ter que participar do recital, ela sempre se apresenta feliz, pois sabe que ter uma família como a dela é um privilégio para poucos. Já Marcus é o melhor amigo de Daniel, irmão de Honoria, e talvez seja um dos melhores mocinhos que já tive o prazer de conhecer. Por ser tímido, contido e solitário, demora um pouquinho para que possa tornar uma atitude, mas quando toma... É incrível!

Sem sombra de dúvidas recomendo essa história e já estou ansioso para conhecer os livros das outras musicistas. Como era de se esperar, Julia Quinn acertou a mão mais uma vez!


PS: Alguns personagens da série Os Bridgertons fazem participação especial nessa série também!

Quartero Smythe-Smith
1 - Simplesmente o paraíso
2 - Uma noite como esta
3 - A soma de todos os beijos
4 - Os mistérios de Sir Richard

11 comentários:

  1. Não conheço o livro mas pelo que li acho que era capaz de o ler e muito bem! :)
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderExcluir
  2. Não desconheço esse livro, mais pelo o texto e muito bom e interessante.

    http://nintudo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Jhonata! Que blog incrível, já estou seguindo :)

    Blog: O Planeta Alternativo

    Instagram: @OPlanetaAlternativo

    Facebook: /OPlanetaAlternativo

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pela resenha Jhonatas! Estou ansiosa para ler Simplesmente O Paraíso! Abraço!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  5. Oie, tudo bom?
    Apesar do livro paracer super legal, e da Julia Quinn ser uma ótima autora, não estou muito na vibe dessa leitura. Espero um dia recomeçar todos os livros dela.
    Beijos,
    Paixão Literária

    ResponderExcluir
  6. Ahhh eu adorei, é um romance tão doce e essa capa tá linda, né? Quero ler muito mais da Julia Quinn!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  7. Olá, Jhonatas.
    Mais uma família da Julia Quinn para amar. Eu adorei o livro e o segundo achei ainda melhor. Essas capas são maravilhosas, eu compraria só por elas, mas a história ainda é tudo de bom hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  8. É interessante conseguir encontrar personagens de outros livros por aqui e fazer uma pequena ligação entre as histórias :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi! Meu box da Julia chegou nesta quinta-feira e eu não me aguento de tanta vontade de ler. Eu ainda não comecei porque quero ficar mais calma para desfrutar bastante da história, mesmo assim imagino que seja maravilhosa!
    Beijo, Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?
    Ainda não li nada da Julia, mas quero muito. Já havia visto o box com essa nova série/saga dela, mas ainda não tinha conferido uma resenha tão bem escrita sobre.
    Ah, eu quero muito ler, apesar de não ler tantos romances de época, sempre me apego rapidamente a escrita. Posso recomendar um livro? "Querido Sue", também é da Arqueiro é um romance de época incrível.

    Até mais. https://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir